O LIVRO DOS ABRAÇOS, Eduardo Galeano

janeiro 21, 2010

CHORAR

Foi na selva, na Amazônia equatoriana. Os índios shuar estavam chorando a avó moribunda. Choravam sentados, na margem de sua agonia. Uma pessoa, vinda de outros mundos, perguntou:

– Por que choram na frente dela, se ela ainda está viva?

E os que choravam responderam:

– Para que ela saiba que gostamos muito dela.

3 Respostas to “O LIVRO DOS ABRAÇOS, Eduardo Galeano”


  1. Esse é um dos trechos mais bonitos do livro


  2. Eu venho lendo todo o blog, quando há tempo livre, e tenho ficado empolgado com a rica seleção cada vez mais. Este trecho, por exemplo, me veio com uma interessante sincronicidade, já que também o considero como “o” mais tocante d’O Livro Dos Abraços.

    Um site realmente grande, este.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: